5118
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Waddy - Data: 11/03/2016 13:51

Café: Deputado Emidinho Madeira elogia parceria da Almg com Epamig

O café servido será da espécie arábica e será um blend (composição de grãos diferentes) com as variedades Catuaí, Mundo Novo, Paraíso e Bourbon.
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Café: Deputado Emidinho Madeira elogia parceria da Almg com Epamig

O deputado Emidinho Madeira, presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Cafeicultura e vice-presidente da Comissão de Agropecuária e Agroindústria, destacou a importante parceira entre entre a Assembleia e a Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), que firmaram acordo, nesta quarta-feira (9), para alteração de nome do Salão de Chá, agora denominado Salão de Café. A parceria permitirá que, no espaço, seja servido café da Epamig, cultivado de maneira experimental nas unidades da empresa de Machado, Três Pontas, São Sebastião do Paraíso e Patrocínio. “O café tem sido há muitos anos um verdadeiro "Salvador da Pátria pela contribuição com o pib mineiro e nacional. Tudo que vier para valorizar nosso produto e a cafeicultura mineira de um modo geral será muito bem vindo”, disse o deputado Emidinho Madeira, que é um dos idealizadores do ConCafé, consórcio público que engloba mais de 50 municípios produtores do Sul e Sudoeste de Minas.

O café servido será da espécie arábica e será um blend (composição de grãos diferentes) com as variedades Catuaí, Mundo Novo, Paraíso e Bourbon. O presidente da Epamig, Rui da Silva Werneck, frisou que a parceria com a ALMG será importante para a empresa, tendo em vista que a ajudará financeiramente. “Somos a única empresa estadual de agropecuária que não recebe aporte de custeio do governo. Só recebemos a folha dos funcionários e auxílio da Fapemig em alguns projetos, o resto é por nossa conta. Dessa forma, a parceria será benéfica para nós, do ponto de vista financeiro. E a Casa ganha um café puro, de alta qualidade”.

Cultura cafeeira - O secretário-adjunto da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais, Kleber Villela Araújo, ressaltou a importância da cultura cafeeira para Minas Gerais. “Temos 140 mil produtores, que fazem 28 milhões de sacas por ano, o que corresponde a 6% do Produto Interno Bruto (PIB) mineiro. O café é o segundo produto mais exportado do Estado, sendo que Minas é um dos principais produtores do País”. Ele também destacou a realização, por parte da secretaria, do mapeamento do parque cafeeiro, projeto que fará uma estimativa precisa da produção do Estado.

Também compareceram representantes do Conselho Nacional de Café, Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg). Ao final do evento, os presentes foram convidados a experimentar o blend que será servido na ALMG e a variedade Catiguá MG 2, que está sendo produzida para exportação.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]