992
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 16/02/2017 08:25

Deputado Emidinho Madeira se posiciona contra importação de café

O parlamentar expôs suas ideias no plenário da Assembleia Legislativa de Minas Gerais
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Deputado Emidinho Madeira se posiciona contra importação de café

Durante pronunciamento no plenário da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, nesta terça-feira (14/02), o deputado Emidinho Madeira, que também é tradicional cafeicultor no Sul de Minas, fez uma defesa contundente contra a importação de café e em favor da classe produtora. “O Brasil que está dando certo é o do meio rural. São os produtores de soja, de açúcar, de leite, do café e vários outros agropecuaristas que têm conseguido dar esperança aos brasileiros. Agora a gente tem visto o governo flexibilizando a importação do café robusta para atender o setor industrial. A gente não tem dúvida da importância da agroindústria do café solúvel, mas não podemos arriscar uma importação que poderá prejudicar uma grande quantidade de produtores”, disse o deputado, que também é presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Cafeicultura. Segundo a Conab os estoques do café Conillon, produzido do Espirito Santo, não conseguirão atender a indústria neste primeiro semestre. Já os capixabas, produtores de café, dem que têm 4 milhões de cafés estocados e que este volume é suficiente.

 

Sucesso absoluto na Femagri 2017

O deputado também destacou o sucesso da Femagri 2017. “Gostaria de parabenizar a Cooxupé, na pessoa do seu presidente Carlos Paulino, pela realização da 16ª Femagri – Feira de Equipamentos e Máquinas Agrícolas voltadas para nossa cafeicultura. Mais uma vez foi um sucesso estrondoso a realização de negócios durante o evento. Como exemplo vou a citar a Pinhalense, empresa líder no setor de equipamentos para o setor de café. A Pinhalense mais que dobrou as vendas no primeiro dia de feira em Guaxupé. Isso mostra que os cafeicultores estão investindo cada vez mais, buscando mais eficiência, gerando renda e riqueza para nossos municípios, nosso Estado e nosso país. Antes de apoiar a importação de café de outros países o governo tem que conhecer esses números. Ao apoiar a importação corre-se o risco de arruinar toda uma cadeia produtiva, não somente de produtores de café, mas também do setor de produção de máquinas e equipamentos agrícolas”, alertou o deputado.

 

Posse na Girolando

“Em primeiro lugar quero também parabenizar o Luiz Carlos Rodrigues, novo presidente da Associação Brasileira dos Criadores de Girolando. Fiz questão de participar, pessoalmente, de sua posse em Uberaba na última sexta-feira (10/02) porque a gente sabe da importância de estar apoiando o crescimento da raça Girolando que é responsável por nada menos que 80% do leite produzido no Brasil. Parabenizo também o Jônadan que fez um excelente trabalho nos últimos 3 anos e acreditamos que o Luiz Carlos também fará uma grande gestão a frente da Girolando. Gostaria de dizer também que estamos à disposição para continuar a parceria no Mais Genética. O Brasil que tem salvado a nossa economia é o Brasil Rural. Para que este Brasil Rural continue dando certo é preciso muita responsabilidade e conhecimento por parte das autoridades do setor. Vamos dizer não à importação de Café e sim à nossa cafeicultura”, finalizou o deputado que tem se destacado como uma das principais lideranças em defesa do agronegócio mineiro.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]