6839
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 18/10/2018 10:01

Cup of Excellence: expectativa para descobrir o melhor café do Brasil é grande entre produtores e compradores

Há três dias, 29 juízes internacionais avaliam Fragrância\Aroma, Uniformidade, Ausência de Defeitos, Doçura, Sabor, Corpo, Finalização e Equilíbrio de 77 amostras brasileiras finalistas; vencedor será apresentado no domingo (21).
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Cup of Excellence: expectativa para descobrir o melhor café do Brasil é grande entre produtores e compradores

Desde segunda-feira (15), 29 juízes de dez países avaliam criteriosamente 77 amostras de café arábica – 37 do tipo cereja descascado/despolpado (preparados por via úmida) e 40 do natural (colhidos e secos com casca) – durante a etapa internacional que acontece em Guaxupé-MG, Sul de Minas, a maior região produtora de café do Brasil.

Muito mais que um prêmio para se orgulhar e conseguir destaque no mercado interno, os vencedores são reconhecidos no mercado internacional, obtendo repercussão e protagonismo em suas categorias, condições que geram lucros acima da média. Dados da BSCA apontam que cerca de 90% da produção de cafés especiais é destinada à exportação, ante 10% que fica para o consumo interno.

Os vencedores do concurso não obtêm apenas os elevados preços por seus cafés em leilão, mas também conseguem valorizar os demais grãos de suas propriedades, uma vez que ela tem sua qualidade comprovada em produção. Com o mercado pagando atualmente pouco mais de R$ 400 pela saca de café convencional, os produtores que escreveram seu nome na história do Cup of Excellence negociam seu produto por valores a partir de R$ 1.000, por exemplo.

Já os cafés vencedores garantem participação nos leilões organizados pela ACE (Alliance for Coffee Excellence) com apoio da BSCA, no qual são disputados pelos principais compradores de café do mundo e chegam a valores substanciais, como os R$ 55 mil por saca do campeão da categoria Pulped Naturals em 2017.

LUCROS CONCRETOS E EXPECTATIVA - Até o fim desta quarta-feira (17), juízes já provaram e atribuíram nota para 37 amostras do cereja descascado. De quinta a domingo, será feita a avaliação das 40 amostras dos naturais. - "Encontramos muitas notas florais e cafés de qualidade, com bastante equilíbrio. Também achamos alguns sabores interessantes e exóticos. O café brasileiro tem elegância", define o juiz de Cingapura, Danny Pang.

A Cooxupé e SMC Specialty Coffee são anfitriãs do evento realizado pela Associação Brasileira de Cafés Especiais (BSCA) em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e a Alliance for Coffee Excellence (ACE). O concurso foi realizado pela primeira vez em 1999, dentro de um projeto chamado Café Gourmet.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]