1875
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 04/11/2016 17:24

Vídeo matéria mostra como foi a entrega de medalhas aos alunos do Colégio Dom Inácio e da Escola Interativa

Evento aconteceu no Teatro Municipal, onde os estudantes receberam suas premiações pela Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica, além da Olimpíada Canguru de Matemática (Fotos e entrevistas: Aline Fernandes - Jornal JOGO SÉRIO)
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis

Alunos do Colégio Dom Inácio e da Escola Interativa receberam, nesta noite de terça-feira, 1º de novembro, no Teatro Arlete Souza Mendes, em Guaxupé, medalhas da 19ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica e da Olimpíada Canguru de Matemática. Realizadas no decorrer do ano, as duas competições contaram com a participação de mais de oitocentos mil estudantes, de diferentes localidades, a competição internacional comprovou o potencial dos jovens guaxupeanos. A noite especial destacou uma mesa diretora composta pelo prefeito Jarbas Corrêa Filho (Jarbinhas), a secretária municipal de Educação, Sandra Costa, e as diretoras do Colégio Dom Inácio, Juliana Magalhães e Sandra Mancini, da Escola Interativa. Em seus pronunciamentos, os quatro enfatizaram o contentamento por conta do sucesso dos estudantes, tendo, depois, participado do cerimonial de entregas de medalhas de ouro, prata e bronze.

Pelo Colégio Dom Inácio, foram condecorados com a medalha de bronze, pela Olimpíada de Astronomia e Astronáutica, os alunos Mariana Jundurian, Alisson Silva Moura, Paula Corrêa Desenzi, Isac Ribeiro Ferreira de Brito, Gabriela de Paula Soares Silva e Rafael Ribeiro Gonçalves; de prata: Lúcherman Duarte Gonçalves Botelho e João Victor Ferro Rodrigues; de ouro: João Marcelo Jundurian. Já pela Interativa, conquistaram a medalha de bronze: Íris Pereira do nascimento Paiva, Pedro Henrique Gonçalves Pereira e Theo Augusto Cunha Affini; de prata: Emanuel Silva Ribeiro, Pedro Henrique Paulazini Soares, Ana Clara Aparecida Reis e Guilherme Correia Pedroza; de ouro: Nina de Freitas Smaira, Maria Paula Castro Gonzaga e Matheus Custódio Cruz.

Também as medalhas pela Olimpíada Canguru de Matemática, destacaram-se, pelo D. Inácio: Eduarda Figueiredo Gomes de Almeida, João Matheus Silva Reis, Maria Alice Sales Costa, Marina Carlini Minchillo, Breno Vieira dos Reis, Geovana Souza Oliveira, Paulo Eduardo Pallos Ribeiro, Guilherme Panissa Marques, João Marcelo Jundurian, Rafael Ribeiro Bertoni Gonçalves e Marília Magri Teixeira (bronze); Gabriela Dudzinska Ribeiro, Pedro Russo e Lara Cristina de Carvlaho Mariano (prata). Por parte da Interativa, os alunos Davi Campos de Rezende, Maria Clara Alves da Silva Vilela, Cecília de Oliveira Silva, Fábio Augusto Areão de Melo, Inácio Henrique Mariano Silva, Bruno Oliveira Caminha, Maria Paula Castro Gonzaga e Theo Augusto Cunha Affini (bronze); Gabriela Mazza de Almeida, Marina Piza Buen, Fábio Alves dos Santos e Nina de Freitas Smaira (prata); Jamile Cunha Turri, João Pedro Marques Martns, Leonardo Bufoni Leo e Matheus Custódio Cruz (ouro).  

Após a solenidade, o Jornal JOGO SÉRIO falou com alguns dos presentes. Nina de Freitas Smaira, da Escola Interativa, ganhou três medalhas: "Foi muito bom participar porque ela implica num futuro, que seria o currículo. Ajuda demais! Ganhei três medalhas, sendo uma da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica, uma da Olimpíada de Canguru Matemática e outra da Olimpíada Brasileira de Informática. Estou participando da Olimpíada de Astronomia há cinco anos, da Matemática há quatro anos e de Informática há dois anos", comentou a jovem.

Para a diretora do Colégio Dom Inácio, Juliana Magalhães, a participação dos alunos comprova o potencial deles: "Para nós, hoje, nesta noite, receber aqui, no Teatro Municipal de nossa cidade, aos estudantes, sua família e a todos, sempre orgulhosos com os resultados obtidos, é motivo de orgulho e alegria. Tê-los engajados em atividades como estas, que são as Olimpíadas de Astronomia, a OBA, e também a Canguru de Matemática, faz com que pensemos cada vez maior, em mais possibilidades para que nossos alunos possam envolver-se em projetos onde o conhecimento tem valor e lugar de destaques, com os alunos envolvendo-se em pesquisas e elaborando melhor o conhecimento. Enfim, é uma alegria imensa para nós vê-los motivados desde o início, quando começaram com as primeiras atividades destas Olimpíadas, até o dia de hoje, onde a gente só celebra mesmo os resultados de muita dedicação, de cada um deles, da escola, das famílias", comentou a dirigente escolar.

Entre os familiares, o sentimento era de orgulho pleno. Iara Correia Pedroza, mãe de Guilherme Correia Pedrosa, ressaltou: "Para a gente, que somos pais, é um orgulho muito grande, porque, desde que começaram na escola a participar das Olimpíadas, sempre incentivamos. E, ver um filho ganhando uma medalha, sabendo que ele estudou e preparou para aquilo, assumiu a responsabilidade de participar e, agora, culminar com uma medalha é um orgulho muito grande para nossa família. Tenho outro filho, que este ano não quis participar, mas já ganhou medalha também. Acho que a gente, enquanto pais, tem que incentivar, pois o futuro do País passará pelas mãos deles. E só com os incentivos de pais e escolas é que conseguiremos dar um futuro melhor a eles", finalizou. ? AGUARDE A VEICULAÇÃO de  vídeo-matéria e a divulgação de várias imagens sobre este evento.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]