81
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 07/04/2020 11:41

Promotor pede proibição das vendas físicas de chocolates, cigarros, bebidas e bacalhau em Guaxupé

Dr. Ali, representante do MP GPE, fez a recomendação à Prefeitura e sugeriu rigor na fiscalização
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Promotor pede proibição das vendas físicas de chocolates, cigarros, bebidas e bacalhau em Guaxupé

O promotor de Justiça, dr. Ali Mahmoud Fayez Ayoub, recomendou à Prefeitura de Guaxupé que proíba as vendas físicas de chocolates, bebidas alcóolicas, cigarros, bacalhau, entre outros. A intervenção do Ministério Público foi feita no início desta semana e visa, segundo consta, combater aglomerações em estabelecimentos comerciais que ainda estejam em funcionamento (considerando-se o fato de que há um Decreto com restrições aos expedientes do comércio, indústria e prestação de serviços, como combate ao Novo Coronavírus).
A recomendação do MP foi divulgada nesta manhã de terça-feira, 7 de abril, pela Procuradoria Geral do Município. Segundo a nota oficial, o promotor Ali entende que os itens descritos não são de necessidade primária e, sendo assim, devem ser comercializados apenas no sistema delivery. Desta forma, a referida autoridade sugere que o Município peça aos comerciantes para retirarem das gôndolas todos os produtos relacionados.
Em seu despacho, o representante da Promotoria também pediu rigor quanto à fiscalização da permanência de pessoas em pontos comerciais, com o objetivo de evitar aglomerações. Embora trate-se de uma sugestão, o envio de dr. Ali foi acompanhado do prazo de 24 horas para a municipalidade responder às recomendações (inclusive, utilizar o Procon para proceder as vistorias nos estabelecimentos). - Em contato com a comunicação social da Prefeitura, o JOGO SÉRIO foi informado de que o tema será enviado ainda hoje ao Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus, a fim de diagnosticarem quais os meios cabíveis para o acatamento à recomendação da Promotoria.

Briga de chocolates!!!
No final da semana passada, proprietários de chocolaterias em Guaxupé entraram com pedido de liminar para funcionarem mesmo com o Decreto 2.180, editado pelo prefeito Jarbas Corrêa Filho (Jarbinhas), em 23 de março último, com restrições para o expediente comercial (dos locais cujos produtos não são considerados essenciais). Na ocasião, a liminar foi deferida pelo juiz, dr. Milton Biagioni Furquim. Porém, o setor jurídico da Prefeitura entrou com agravo de instrumento, tendo a decisão do magistrado local sido revertida. Sendo assim, as empresas requerentes terão que funcionar apenas no sistema delivery, assim como tem feito boa parte do comércio local.

Coronavírus em Guaxupé
Ainda sobre a Quarentena em Guaxupé, na noite de ontem o prefeito Jarbinhas estendeu, via Decreto 2.201, o período para mais quinze dias, até o dia 22 de abril próximo. Desta forma, comércio, indústria e prestação de serviços considerados não fundamentais permanecerão sem atividades ou, na eventualidade de se adequarem, operarão sem promover aglomerações em seus ambientes. Conforme amplamente divulgado pelo Jornal JOGO SÉRIO, o Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus noticiou, em seu Boletim Epidemiológico Diário, o número de 445 pessoas atendidas na UBS Aviação ou na Santa Casa, com suspeita de COVID-19. Destas, há 106 casos sendo investigados, dos quais 20 já deram resultados negativos para a doença. Até agora, Guaxupé segue sem nenhuma confirmação, apesar de que amaioria dos testes enviados à FUNED ainda não chegou. No Hospital continuam internados cinco pacientes com sintomas de contaminação por Coronavírus. Veja, logo mais, no www.jornaljogoserio.com.br, outras informações sobre o combate ao vírus em Guaxupé.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: jornaljogoserio@gmail.com / ojogoserio@yahoo.com.br.