5834
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 23/10/2019 10:10

O "Mc Gui" que existe dentro de cada um de nós

Nestas horas, vemos a importância do "orai e vigiai", pois não só o Mc Gui, mas todos nós, estamos numa escala evolutiva que pode se estacionar, caso paremos de crescer
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis O

Bom dia, pessoal! Que tal aproveitarmos o episódio infeliz do Mc Gui e refletirmos sobre o quanto boa parte da sociedade, em geral, também é desrespeitosa com os outros, todos os dias? É, pois vamos ser francos e lembrarmos quantas vezes já vimos pessoas debochando, por exemplo, de um negro que pintou o cabelo de louro (mas não percebemos que isto o fez feliz e é para ser feliz que ele está na Terra)? Ou de uma mulher por causa de tantas rugas no rosto (mas não a acompanhamos durante a labuta de décadas para vermos o valor da luta dela)?
O Mc Gui se deu mal por ser quem é (famoso) e filmar a própria má atitude (lembrando que ningúem é todo mal ou todo bom!). Mas, e nós, quantas vezes agimos mal com os outros e não filmamos ou sequer damos importância? Hoje, o artista em questão está sendo apedrejado e não poderia ser diferente, pois o que ele fez revolta mesmo e a sociedade tende a ser "justiceira"! Porém, este tipo de coisa serve para que reflitamos sobre nossos próprios atos! Choca ver a menininha do vídeo constrangida com a tiração de sarro dele, não é? Então, deveríamos nos chocar também quando definimos o caráter e a imagem de alguém só por conta de um gosto musical, das preferências política, religiosa e sexual e outras opções mais! Isto, principalmente porque, na maioria das vezes, vemos pouquissimo da vida alheia, mas agimos como se soubéssemos a íntegra da história, não é?
A consequência da "brincadeirinha de mal gosto" do Mc Gui está lhe custando caro, pois já perdeu dinheiro, destruiu a própria imagem e será difícil dar a volta por cima (mas ele dará, caso tenha se conscientizado do que fez, já que pena eterna nem Deus aplica a quem crê na renovação). Contudo, vamos usar isto para sermos, nós mesmos, mais responsáveis, solidários e menos preconceituosos. É uma lição atrás da outra, todos os dias, para a massa inteira! A todos, muito obrigado pela leitura e que nossos corações estejam mais atentos à dor do outro, a começar por nossas famílias, nossos lares, onde erramos tanto, às vezes até sem percebermos, pois o mundo está cada dia mais frio e isto pode nos esfriar, se deixarmos! - Carlos Alberto - Jornal JOGO SÉRIO - Guaxupé/MG.

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: jornaljogoserio@gmail.com / ojogoserio@yahoo.com.br.