6496
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 09/08/2017 12:45

Executivo de produtora com renome nacional ministra palestra à PP/Unifeg

Aula especial, viabilizada pela professora Nahara, reuniu alunos de todos os períodos da Comunicação Social
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis

O executivo de contas, Ronaldo Marçal, da produtora Ilha Cross Mídia, de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, ministrou palestra para alunos do curso de Comunicação Social – Publicidade e Propaganda do Unifeg. A aula especial, viabilizada pela coordenadora da referida graduação, professora Nahara Makovics, aconteceu nesta noite de terça-feira, 8 de agosto, na sede da instituição. Mais do que viabilizar Educação por meio de sua grade curricular, o Centro Universitário investe em programas que ampliem ainda mais o conhecimento de seu público-alvo.

A palestra de Ronaldo durou cerca de uma hora e meia, tendo ele apresentado “cases” de clientes da “Ilha”, com produções em ‘3D’ e outros efeitos. Junto a isto, transmitiu aos alunos noções importantes quanto ao mercado de trabalho: “É ir para a prática, pois você tem toda a parte de teoria na faculdade, mas o ideal é buscar um estágio ainda que não remunerado. Vá conhecer pessoas e fazer ‘network’, que isto o levará para o mundo. Por exemplo: temos grandes nomes de Guaxupé, em nível nacional, como o Paulo Coelho, diretor de criação da DM9, com 32 cannes na bagagem. Saiu da cidade e hoje é referência nacional para qualquer pessoal do mercado publicitário”, aconselhou o profissional.

Com clientes do nível de Minerva Foods, Syngenta, Basf, Multiplan, com Ribeirão Shopping, entre outros, a Ilha está ativa há dezessete anos. Período este responsável por colocar a produtora em patamar nacional e que exige, em contrapartida, excelência na prestação de serviços: “Hoje, o que faz a diferença é a criatividade e, no caso de uma produtora audiovisual, os profissionais englobados fazem a diferença. Eu, por exemplo, sou da área comercial, de atendimento. Por trás, sei vender, mas parte técnica, da qual sei algumas coisas, mas preciso de respaldo de profissionais: diretor de criação, ilhas de edição, editores, vídeos, finalizadores, são essenciais. É preciso, também, ter bons produtores no mercado, como produtores de figurino, de locação e outros deste tipo, estão em falta. Então, assim como eu fui aluno e busquei experiência em todas as áreas”, explicou Ronaldo Marçal.

Após suas explanações, o executivo da Ilha Cross Mídia atendeu aos alunos, os quais interagiram a respeito do tema proposto. Ao Jornal JOGO SÉRIO, os acadêmicos externaram: “Esta palestra foi de extrema importância principalmente para nós, moradores de cidade pequena. Hoje, o audiovisual está usando muito. Hoje, infelizmente, as pessoas têm preguiça de ler e, então, uma imagem gera muito mais engajamento do que um texto, propriamente dito. Foram muito legais os ‘cases’ trazidos, pois isto agregará muito a nossa vida profissional”, disse Brunna Luiza dos Santos, do 6º período. “Muito interessante trazer produtores de renome para cá, pois saímos da caixinha, abrimos a cabeça e vemos u leque maior que nossa profissão poderá ter”, complementou Juan Lofrano, do 2º período.

Visivelmente satisfeita pela vinda de seu ex-aluno, a professora Nahara Makovics enfatizou: “Realmente, será uma noite de network, interação e aprendizado. Vocês verão, realmente, os bastidores das grandes produções, making of de grandes campanhas publicitárias”, comentou ela. Ciente do crescimento do setor audiovisual, a coordenadora da PP/Unifeg complementou: “Hoje em dia, as redes sociais, mídias e marketing digitais mostram-se um caminho sem volta. As pessoas estão cada vez mais conectadas a este mundo virtual. Ou seja: a internet mudou tudo para melhor, pois essa grande interação facilitou. Por outro lado, os profissionais e as empresas devem se readequar às novas tendências de comunicação”, finalizou Nahara.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]