1994
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 15/09/2016 16:23

Presidente do PPS, vereador João Paulo mantém intensa a campanha pela reeleição

Parlamentar, que se popularizou como "João da Saúde", em função da atuação na referida pasta, declara: "Sou candidato à reeleição porque o povo assim me pediu. Quantos aos procedimentos judiciais, estou recorrendo de todos e, no final, provarei que sou inocente e útil para o Município"
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Presidente do PPS, vereador João Paulo mantém intensa a campanha pela reeleição

O vereador João Paulo Calicchio Ferraz, que se popularizou como “João da Saúde”, mantém intensa sua agenda de campanha, com vistas às eleições municipais 2016. Presidente do PPS de Guaxupé, o político em questão tem sido alvo de procedimentos judiciais, assim como outros companheiros de legislatura, em função de supostas improbidades administrativas, decorrentes deste mandato e também da gestão anterior, quando antecessores seus votaram lei que agora está comprometendo aos atuais legisladores. Porém, João Paulo dá sequência ao trabalho, com visitações domiciliares, em estabelecimentos comerciais, industriais e via redes sociais. Dedicado à área da Saúde, ele tem divulgado, por estes dias, o apoio de parlamentares estaduais vinculados a outras pastas.

João Paulo, além da divulgação de sua candidatura à reeleição tem dispensado tempo para se defender de comentários de que seu mandato foi cassado pela Justiça. “Isto não passa de boatos maldosos de quem não está satisfeito com nosso modo dinâmico de atuar. Como todos sabem, qualquer cidadão tem o direito à ampla defesa, quando é alvo de procedimentos judiciais. E assim tem ocorrido comigo e outros colegas de Câmara, os quais também estão recorrendo, pois todos nós sabemos de nossa inocência, além do compromisso firmado com o povo. Sou candidato e conto com o apoio das pessoas que confiam em meu trabalho, pois elas sabem a importância de minhas ações”, disse João Paulo.

Das polêmicas criadas no mandato, que vão desde investigações sobre viagens feitas com recursos públicos e, por último, a respeito do salário recebido, o vereador João Paulo alega estar tranquilo: “Primeiro, que confio na Justiça, que no final saberá sentenciar nossa absolvição, uma vez que nada fizemos de errado. Todo o tempo, temos a prova concreta de que viajamos para trazer recursos ao Município e assim foi feito. Quanto aos salários, ele analisa a possibilidade de processar os vereadores do último mandato, que votaram pelo reajuste salarial da legislatura seguinte: “Não fui eu o autor da lei e nem votei nada disso. Cheguei à Câmara e o salário já estava fixado. A gente dá exemplo de um pai de família, que entra num trabalho e, dali a um ano, vem um auditor e diz que supostamente está errado, pois seu antecessor fez algo errado, ou supostamente errado e, aí, prejudica uma família. Por isto estamos discutindo na Justiça o que foi feito de errado no passado. Vamos entrar com recurso e a vida é assim... segue! Vamos lutar em Belo Horizonte para provar, pois não votamos a lei e não agimos de má fé!”, justificou-se.

Das influências conquistadas junto ao Estado, João Paulo divulga a parceria de alguns tempos com o deputado federal Renato Andrade, a estadual Luzia Ferreira e, por último, com também parlamentar estadual Alencar da Silveira Júnior, presidente do América Futebol Clube, de Belo Horizonte, com quem João Paulo afirma o objetivo de viabilizar recursos em favor da população guaxupeana. “Não posso parar meu trabalho junto ao povo por conta dos procedimentos judiciais, dos quais recorro com tranquilidade, pois sei que nada fiz de errado. O guaxupeano, para quem atuei sem descansar, com o objetivo de tornar suas vidas melhores, sabe do que estou falando. Aliás, percebo muito isto nas visitações e aproveito a ocasião para agradecer às manifestações de força, confiança e fé na minha candidatura”, finalizou o vereador.

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]