66
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 24/07/2018 17:23

Após 41 dias parado por problemas licitatórios, campeonato municipal de futebol retorna com goleadas

O XV de Novembro está 100% na competição, com quatro jogos e quatro vitórias
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Após 41 dias parado por problemas licitatórios, campeonato municipal de futebol retorna com goleadas

A 18ª Copa Guaxupé – categoria adulta, promovida pela Divisão Municipal de Esportes de Guaxupé, foi reiniciada após quarenta e um dias de paralisação. Interrompido por problemas no processo licitatório da arbitragem, o evento retornou no último fim de semana, com quatro partidas oficiais, válidas pelas 1ª e 2ª divisões do futebol amador local. Considerados fundamental para o lazer e a integração esportivo-social da população, os jogos são disputados nas praças de esportes da cidade.

As partidas recomeçaram na tarde deste sábado, 21 de julho, com o Recreio dos Bandeirantes goleando o Real Minas, por 5 a 0, em gols marcados por Abraão, Natan, Marcos Paulo, Diogo e Gabriel. O jogo foi realizado na Praça de Esportes Roque Mancini (campo do Mogiana) e exibiu a superioridade do elenco vencedor, tendo, por outro lado, o time derrotado sido prejudicado com a falta de jogadores. Da arbitragem, trabalharam o juiz Nilton Aparecido dos Santos (Gatão) e os auxiliares Mauro Alves da Silva, Dário Matheus Gomes Neto e Kawan Willian da Silva.

Ainda no sábado, no Estádio Carlos Costa Monteiro, o Jardim Orminda venceu o Monte Alto por 3 a 1, com gols de Tiago, Vinícius e João Vítor, tendo Ronyeli descontado para sua equipe. Na arbitragem, atuaram o juiz Gian Lima e os auxiliares Rodrigo Gonçalves Pereira, Ivan Neves Júnior e Mauro de Jesus Júnior. Nesta partida, o jogador Valmir, do Monte Alto, foi expulso aos 12 minutos do segundo tempo, após cometer falta e reclamar, sendo que ele já havia sido advertido na etapa inicial, com cartão amarelo, por falta grave contra adversário.  

Os demais confrontos ocorreram na manhã deste domingo, 22: o XV de Novembro goleou o JP, por 5 a 1, no Estádio Carlos Costa Monteiro, numa vitória construída com os gols de Ary Neto (fez dois gols), Marcelo e Lineker (2). Em favor dos adversários, o jogador Fábio Augusto marcou o gol de honra. Neste jogo, o árbitro Jorge Miguel de Paula Vicente expulsou o jogador Geovani, do JP, ainda aos 3 minutos de jogo, por tê-lo ofendido ao marcar lateral. Além de Jorge, atuaram na partida os auxiliares Gian de Lima, Antônio Jacinto Júnior e Marcelo Felipe de Lima Gomes.

E, no último jogo da rodada, realizado no campo do Mogiana, os donos da casa venceram o Projeto Bola em Jogo, por 4 a 2, com gols de Lenilson, Adriano, André e Ricardo. Para os adversários, Alexandre e Jonathan descontaram, mas seus gols não foram suficientes para evitar a derrota. Da arbitragem, trabalharam na partida o juiz José Ricardo dos Santos Júnior (Juninho K-Doce) e os auxiliares Mauro Alves, Dário Matheus e Kawan Willian. Neste jogo, o atleta Paulo Eduardo, do Mogiana, foi expulso por supostamente ter agredido o adversário com uma cabeçada, tendo o fato sido denunciado pelo auxiliar Dário.

 

PROXIMOS JOGOS

A próxima rodada da Copa Guaxupé 2018 acontecerá neste sábado, 28, às 15h15, com XV e Sport Minas, no Estádio Municipal; Real Minas e Atlético, no campo do Jardim Orminda; e no dia 29, às 9h30, com Jardim Orminda X Guarani (no Municipal), Unidos da Vila X Bandeirantes (Praça Roque Mancini). A final, após todas as rodadas, está marcada para o próximo dia 19 de agosto, às 9h30, no Estádio Carlos Costa Monteiro.

 

CLASSIFICAÇÃO

Com os resultados deste fim de semana, a Copa Guaxupé tem, na 1ª Divisão, pela Chave A, os times: XV de Novembro em 1º, com 12 pontos; Guarani em 2º, com 6 pontos; JP e Giotto, respectivamente, em 3º e 4º lugares, também com 6 pontos; e Guaxupé Country Club, ainda sem pontuar. Pela Chave B: Spot Minas e Jardim Orminda em 1º e 2º lugares, ambos com 8 pontos ganhos; Assoxupé em 3º, com 6; Monte Alto em 4º, com 3 e, na última colocação, aparece o América, com um ponto conquistado. Nesta divisão, os artilheiros da competição são Ary Neto, do XV, e Rafael de Túlio, do Sport Minas, com 6 gols marcados, cada um. Já entre os goleiros menos vazados, os líderes são Patrick, do XV, e Anderson, do Sport Minas, ambos com 2 gols sofridos.

Pela Segunda Divisão, na Chave A, o Colmeia e o Recreio dos Bandeirantes lideram o grupo, com 6 pontos conquistados; na 3ª colocação aparece o Atlético, com 3 pontos, e o Bola em Jogo está na 4ª posição, com 1 ponto. Na Chave B: Unidos da Vila e União lideram com 9 pontos; na 3ª posição está o Real Minas, com um ponto e, na última, o Planalto, ainda sem pontuar. Entre os goleiros menos vazados, Júlio Neto, do Unidos da Vila, e Gabriel Antônio, do Bandeirantes, lideram com 3 gols sofridos. Já o artilheiro é Samuel Borges, do Unidos da Vila, autor de 11 gols marcados.

 

SEM LUZ, NEM CHUVEIRO

O árbitro Nilton Aparecido dos Santos, que é popularmente conhecido como “Gatão”, relatou na súmula do jogo entre Recreio dos Bandeirantes e Real Minas a falta de iluminação e chuveiro no vestiário da arbitragem, o que denotou, novamente, os problemas estruturais das praças de esportes da cidade. Taxativo, o juiz de futebol afirmou que o problema já havia sido levado até a organização do campeonato, mas, mesmo após quarenta e um dias de paralisação, a questão ainda não foi solucionada.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]