860
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 04/09/2017 10:48

Após assalto à mão armada, PM detém dez pessoas e recolhe vários itens roubados

Trabalho policial foi muito bem feito e pode ter solucionado uma série de crimes praticados em Guaxupé e região
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Após assalto à mão armada, PM detém dez pessoas e recolhe vários itens roubados

A Polícia Militar de Guaxupé deteve, neste domingo, 3 de setembro, dez pessoas, das quais sete são adultas e três menores, sendo todas supostamente envolvidas em assaltos praticados recentemente na cidade e região. O trabalho, que foi coroado de êxito, teve início com o atendimento a mais uma solicitação de roubo à mão armada, ocorrido entre sábado e domingo últimos, na zona rural. A partir do referido chamado, as autoridades realizaram ação vultuosa, a qual pode ter solucionado uma série de crimes que vinha deixando a população apavorada.

A PM foi chamada na zona rural, onde um médico, proprietário de instância nas proximidades da “Estrada Morro Agudo” informou ter sido feito refém na noite de sábado, por quatro pessoas armadas (com revólver a arma caseira). Muito violentos, os assaltantes amarraram a vítima, prenderam-na num armário e, em meio a tudo isto, ameaçaram matar o dono do local, caso não encontrassem valores. Do local, os bandidos levaram um automóvel Chevrolet Tractor, além de um revólver calibre 38, munições, eletroeletrônicos, entre outros produtos. Depois, fugiram do local, tendo o casal de caseiros, funcionários do sítio, libertado o patrão e os três acionados a polícia.

No local dos fatos, o proprietário do sítio e a PM iniciaram o rastreamento ao veículo e o celular levados, tendo o sistema apontado para  residência da Rua Áustria, no Jardim Europa, onde estava Gabriel F. S., de 22 anos. Suspeito de vários roubos à mão armada (inclusive seu irmão, Luiz Fernando, está preso preventivamente por eventuais crimes desta natureza), ele também tinha contra si um mandado de prisão, tendo ainda sido localizado no imóvel o carro roubado (Tractor), assim como um Volkswagen Santana (com produtos de assaltos em seu interior) e vários objetos de origem duvidosas, na casa. Além do rapaz, seus pais e a vó dele foram levados porque, segundo a polícia, tentaram encobrir o possível roubo praticado por Gabriel.

Ainda por meio do rastreamento, via internet, a PM constatou que o Chevrolet Tractor circulou em cidades da região e permaneceu, por algum tempo, nas ruas José Aniceto Ferreira e Artur Coelho de Souza, ambas no Jardim Novo Horizonte. No primeiro imóvel, a polícia deteve uma mulher de 30 anos e a filha dela, que é namorada de Luiz Fernando, irmão de Gabriel. Na residência, diga-se de passagem, foram encontradas roçadeiras e outros produtos sem comprovação de compra.

A PM esteve, ainda, na Avenida Geraldo Ribeiro do Valle, no Jardim Bela Vista, para onde o rastreador do celular do dono do sítio apontava. Lá, três rapazes tentaram fugir ao perceber a presença policial, mas foram detidos, tendo sido encontrados com eles o revólver 38 roubado na casa do médico e uma arma de fabricação caseira, possivelmente usada no crime ao sitiante. Ainda na Rua Padre Oliveira Rolim, que fica no Bairro Alto alegre, a polícia deteve outro adolescente, haja vista que acharam, na casa dele, produtos sem comprovação, tendo inclusive, vítimas de outros roubos em Guaxupé reconhecido os itens apresentados pela PM.

Vale lembrar que a ação policial movimentou vários bairros da cidade, assim como resultou no recolhimento de uma série de objetos, sendo boa parte já reconhecido por pessoas roubadas em ocasiões distintas. Desta forma, a polícia acredita ter desbaratado crimes recentes ocorridos na cidade e região. Ainda com relação às prisões e apreensões, tratou-se de uma ação liderada pelo tenente Rafael Meneghin de Souza e equipes de sargentos, cabos e soldados da 79ª Cia. Especial PM/MG, que é comandada pelo major Afrânio Garcia. Os suspeitos e os produtos recolhidos foram apresentados à Polícia Judiciária, que abrirá inquérito para apurar os casos. Quantos às pessoas detidas, não foi divulgado quais permaneceram presas e quem foi liberado pelas autoridades.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]