8575
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 26/10/2017 23:37

Incêndio na Adika foi causado por curto-circuito em padrão de energia

Bombeiros, Prefeitura, SAMU, PM, Detefort e Madeireira Nehemy atuaram no combate às chamas, que não chegaram a afetar a Bike Boy, vizinha da Adika
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Incêndio na Adika foi causado por curto-circuito em padrão de energia

O incêndio ocorrido na loja Adika, situada à Avenida Dona Floriana, na área central de Guaxupé, nesta tarde de quinta-feira, 26 de outubro, foi provocado por curto-circuito no padrão de energia elétrica do estabelecimento. A informação foi transmitida pelo tenente Josué Pereira, comandante do Corpo de Bombeiros, responsável pela ocorrência que entristeceu o final da tarde na cidade. Conforme o Jornal JOGO SÉRIO divulgou anteriormente, o comércio em questão foi dominado por grandes labaredas, impulsionadas pelo alto nível de material inflamável entre tecidos, plástico e outros existentes no local.

O fogo começou logo após o expediente, quando o proprietário, Antônio, fechava a loja e percebeu o fogaréu rapidamente espalhando-se pelas dependências. Inicialmente, ele mesmo tentou apagar o fogo, com extintores e a ajuda de vizinhos, mas as chamas em pouco tempo consumiram todo o imóvel, tendo o fato chamado a atenção de transeuntes e o episódio atraído um expressivo número de pessoas. Acionados, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros atuaram no sentido de conter o fogo e evitar que ele tomassem também a loja vizinha, Bike Boy (que ficou intacta devido à eficácia do trabalho dos bombeiros).

Além dos Bombeiros, o trabalho foi apoiado por agentes da Prefeitura, funcionários e caminhão-pipa das empresas Detefort e Madeireira Nehemy, além do próprio SAMU, que chegou a atender militares com mal-estar devido à temperatura quase insuportável e a fumaça e outras situações desfavoráveis. Ainda com relação ao incêndio, não houve registro de pessoas feridas, apesar do corre-corre inicial para evitar, em vão, a destruição da Adika. Muito bem quisto nas imediações, o comerciante Toninho obteve a solidariedade das pessoas presentes, que lamentaram a fatalidade. Fechado para evitar um mal maior, o trecho da Avenida Dona Floriana, interditado naquele instante, já está liberado para o tráfego de veículos.  

LEIA TAMBÉM: Incêndio destrói a Loja Adika e coloca outros imóveis em risco

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]