3314
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 07/11/2017 14:43

Homem é encontrado morto em imóvel abandonado na área central

A PM e a perícia realizaram seus trabalhos de praxe; familiares de Natalino reconheceram seu corpo
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Homem é encontrado morto em imóvel abandonado na área central

Foi encontrado no final desta manhã de terça-feira, 7 de novembro, o corpo do desempregado Natalino José da Silva, de 54 anos. Muito conhecido na área do “XV de Novembro”, ele vivia ultimamente uma vida difícil, de andarilho e dependente químico, embora seus familiares tenham lutado, em vão, pela sua recuperação.

O cadáver estava no interior de uma casa abandonada, na Rua Salesianos, que fica na área central de Guaxupé. O odor insuportável, em decorrência do estado de decomposição dos restos mortais, chamaram a atenção da vizinhança, tendo um morador adentrado o imóvel e deparado com “Nata”, de bruços, num colchão, no chão.

Acionada, a Polícia Militar compareceu ao local, constatou o estado já de putrefação do corpo e contatou a perícia técnica da Polícia Civil. No local, o especialista, Celso Lima, procedeu a qualificação indireta, por relação de terceiros, quando o tio de Natalino, o contabilista Domingos, identificou-o. Muito triste, ele lamentou o fim do ente querido, a quem tentava ajudar constantemente, mas as frequentes recusas tornaram a recuperação de Natalino difícil. “Triste, pois fica um sentimento de impotência e pena”, comentou Domingos.

Ainda com relação ao fato, moradores próximos também lamentaram: “A gente sabia desta vida difícil dele, mas pouco podemos fazer pelos outros, quando não querem se melhorar”, relatou Luiz Sarrassini, amigo antigo de “Nata”. “O Natalino, carnavalesco, sempre sorridente e brincalhão, ficará em nossa memória, da ‘época de outro’ do XV”, completou Pedro Luiz da Silva, também antigo morador daquela área, conhecedor de boa parte da comunidade em questão.

Após os trabalhos de praxe, as autoridades providenciaram a retirada do corpo de Natalino e, agora, realizarão os trabalhos finais até liberarem o corpo à família, que realizará o funeral. Vale lembrar que outras pessoas, também em situação de mendicância, têm enfrentado dias difíceis no município de Guaxupé, indo lentamente e de forma sofrível ao encontro da morte.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]