479
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 01/08/2018 11:55

Refém de assalto em Guaranésia vai a óbito no Hospital de Passos

José Roberto foi atingido por disparo durante tiroteio entre a PM e a quadrilha que assaltou o SICOOB, na tarde desta terça-feira
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Refém de assalto em Guaranésia vai a óbito no Hospital de Passos

O homem baleado nesta tarde de terça-feira, 31 de julho, durante tiroteio entre assaltantes do Sicoob e a Polícia Militar, em Guaranésia, foi a óbito nesta manhã de quarta-feira, 1º de agosto. Refém dos bandidos, que foram surpreendidos pelas autoridades na saída do banco, a vítima em questão não resistiu à gravidade do ferimento e faleceu no Hospital de Passos, no Sul de Minas Gerais, para onde foi transferido ainda ontem. Conforme o Jornal JOGO SÉRIO noticiou pouco após o ocorrido, uma quadrilha fortemente armada praticou roubo contra a referida agência, tendo o cidadão sido feito como um “escudo” na fuga, quando foi atingido por um tiro à altura da cabeça.

José Roberto Rodrigues tinha 46 anos e estava na porta daquela cooperativa de crédito quando foi usado pelos bandidos, os quais trocavam tiros com a polícia, em frente à agência, após terem rendido aos trabalhadores e levado quantia ainda não revelada. De acordo com as informações apuradas, o rapaz teria reagido ao ser levado para dentro da Amarok prata, usada pelos assaltantes. Uma testemunha, inclusive, chegou a afirmar à PM ter presenciado o momento em que José relutou e, por isto, foi atingido por um dos criminosos, com um disparo no globo ocular, onde a vítima ficou, desacordada, enquanto a quadrilha fugia na caminhonete.

Também com relação ao fato, as polícias Civil e Militar de Guaranésia e Guaxupé trabalham desde o acontecimento, com o objetivo de capturar aos responsáveis pelo delito. Com aproximadamente seis integrantes, a quadrilha conseguiu fugir num Fiat Uno vermelho, conduzido por lavrador, o qual foi rendido e o veículo tomado de assalto. Nesta manhã de quarta-feira, durante as diligências, as autoridades capturaram dois suspeitos de terem participado do crime, sendo que os abordados estão sendo ouvidos neste instante. Dados mais precisos, porém, não foram ainda transmitidos pela polícia, que recolheu, ainda ontem, armamentos, munições e dinheiro deixados para trás, dentro da caminhonete.

Ainda sobre a tragédia, sabe-se que José Roberto faleceu em Passos, após ter sido atendido no Pronto Socorro guaranesiano e ser transferido para a unidade vizinha, que possui melhores recursos. Contudo, a vítima não resistiu e seu óbito foi divulgado pela Santa Casa de manhã, sendo que o corpo deverá ser levado ao Instituto Médico Legal antes de ser liberado para a família providenciar seu funeral. Num caso ainda chocante para a pacata cidade onde tudo aconteceu, a morte da vítima e o risco provocado a terceiros expõe mais uma vez a insegurança geral nas cidades, os estados e o próprio País. – VEJA, logo mais, notícias atualizadas sobre esta ocorrência.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]