255
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 18/07/2018 14:58

Vereador João Fernando fortalece movimento estadual pela aprovação da PEC 49, que estabelece benefícios ao professorado

Vereador encabeçou ofício ao presidente da Assembleia Legislativa, deputado Adalclever Lopes, o qual conduzirá a votação final da PEC, neste dia 25 de julho
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Vereador João Fernando fortalece movimento estadual pela aprovação da PEC 49, que estabelece benefícios ao professorado

O vereador João Fernando de Souza encabeçou um ofício ao presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Adalclever Lopes, cujo conteúdo consta do pedido do guaxupeano, aos deputados estaduais, pela aprovação, em 2ª votação, da Proposta de Emenda Constitucional nº 49, que inclui na Constituição do Estado o piso salarial nacional dos professores, no valor de R$ 2.455,35, para 24 horas/aula semanais. A iniciativa do parlamentar municipal foi endossada por seus pares de Câmara e já enviada à Mesa Diretora da ALMG.

João Fernando compôs o documento em nome do dirigente da Assembleia, a fim de assegurar que a votação deste dia 25 seja semelhante à primeira, ocorrida nesta terça, 17 de julho. Ou seja: o vereador entende ser primordial que a matéria alcance novamente a aprovação, conforme na 1ª votação, quando a PEC foi aprovada com 71 votos favoráveis: “Trata-se de relevante assunto no tocante à Educação e principalmente pela valorização dos educadores do Brasil, que são os professores e seus servidores. A Educação merece este reconhecimento! O piso é uma garantia de um salário menos sujeito às instabilidades de governos”, manifestou-se João Fernando.

Apresentado pelo deputado Rogério Correia, o texto da PEC em questão pede que o piso salarial seja aplicado para todos os níveis da Educação Básica do Estado. “Com a aprovação da PEC, os professores terão os seus direitos assegurados diretamente na Constituição e não apenas por força de Lei. Portanto, segue o meu pedido e de meus pares, na Câmara de Guaxupé, para que nossos deputados repitam o gesto favorável aos professores, cuja profissão está entre as mais nobres entre todas”, definiu João Fernando, que deverá ter seu Ofício lido na sessão desta quarta, 25, da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (bem como na próxima sessão ordinária da Câmara Municipal de Guaxupé).

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]