1513
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 22/01/2019 09:30

Autoridades se impressionam com o bom nível do atendimento oferecido no Centro de Convivência Perpétuo Desenzi

O presidente da Câmara, Léo Moraes, o promotor Cláudio Marins, o deputado Melles, o secretário municipal, Claudinei, a coordenadora da Secretaria de Desenvolvimento Social, Beca, e o vereador Francis Osmar
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Autoridades se impressionam com o bom nível do atendimento oferecido no Centro de Convivência Perpétuo Desenzi

Autoridades distintas visitaram, nesta sexta-feira, 18 de janeiro, o “Centro Municipal de Convivência Perpétuo Desenzi - Guaxupé”, que é popularmente conhecido como “Horto Florestal” e presta assistência a cerca de trezentas crianças e adolescentes, as quais antes eram atendidas pela Casa da Criança, mas o serviço foi municipalizado. Orientados em dois turnos, de segunda à sexta-feira, os beneficiários recebem alimentação, educação escolar, noções de cidadania, participam de recreações, praticam esportes e compartilham atividades salutares durante todo o tempo em que estão no local.

As visitas, que foram conduzidas pelo secretário de Desenvolvimento Social da Prefeitura, Claudinei Vítor, contaram com as participações do deputado federal Carlos Melles, que está entre os responsáveis por enviar recursos ao projeto; o secretário de Governo e Planejamento, Artur Fernandes Gonçalves Filho, o promotor de Justiça, dr. Cláudio Gonçalves Marins; os vereadores Francis Osmar da Silva e Leonardo Donizetti de Moras (Léo, atual presidente da Câmara guaxupeana), entre outros. “Foi uma alegria ter conhecido pessoalmente o Centro de Convivência. Uma maravilha de iniciativa, que atende 280 crianças e jovens e 120 idosos, com oficinas sociais, educativas e ambientais; além de várias refeições balanceadas ao longo do dia”, elogiou Melles, que encontra-se em final de mandato e agora administrará o Sebrae, a convite do presidente Jair Bolsonaro.

Durante suas permanências no local, os visitantes almoçaram com as crianças, conheceram todas as dependências e se inteiraram a respeito do funcionamento do local: “Eu, que sou fruto de projeto social, me emociono ao ver uma iniciativa desta tão bem cuidada. Se sou o que sou hoje, é porque alguém me enxergou, quando ainda jovenzinho, e apostou em mim. Por isto, programas iguais a este são tão importantes e terão sempre meu apoio, pois daqui, tenho certeza, sairão grandes cidadãos, engajados com a vida social e, se Deus quiser, farão muito por si, pelas suas famílias e a cidade, como um todo. Parabéns, Claudinei e toda a equipe”, destacou o vereador Francis, que viveu boa parte da sua infância na Casa da Criança e, depois, integrou-se a projetos sociais em Guaxupé e na cidade de Belo Horizonte, tendo isto sido fundamental para ele ser, hoje, educador físico, professor e chefe de família.

Ainda com relação ao Centro de Convivência Perpétuo Desenzi, a Prefeitura mantém o projeto com recursos próprios e por meio de verba federal. “As crianças e os adolescentes devem ser incentivados a desenvolver diferentes formas de expressão, como a artística, física, intelectual, digital e social. É importante não ficar preocupado só com os conteúdos didáticos da escola formal. As crianças e adolescentes precisam ser formados em atitudes e valores que caminhem para a tolerância e a participação na vida pública, criando uma preocupação com o coletivo”, concluiu Claudinei Vítor.

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]