14
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 27/03/2019 15:58

Deputado Emidinho reúne autoridades de 70 cidades para tratar das cirurgias eletivas represadas na região

Aproximadamente 40 prefeitos estiveram presentes, além de vereadores, lideranças e profissionais da saúde de 70 municípios do sul e sudoeste de Minas
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Deputado Emidinho reúne autoridades de 70 cidades para tratar das cirurgias eletivas represadas na região

Para discutir a problemática das cirurgias eletivas no estado, o deputado federal Emidinho Madeira convocou uma reunião emergencial na última segunda-feira (25), na Câmara Municipal de Nova Resende. Entre o público presente estavam prefeitos, vereadores, secretários de saúde, lideranças e representantes de entidades. Além disso, também participaram da reunião a superintendente regional da saúde de Passos, Kátia Gonçalves, a superintendente regional da saúde de Alfenas, Thaís Prado, o diretor administrativo da Santa Casa de Passos, Daniel Porto e o diretor administrativo da Santa Casa de Alfenas, Aécio Lourenço.

“A maneira como as pessoas mais simples são tratadas quando necessitam de atendimento de saúde, mostra a triste realidade do nosso país. Descaso, negligência e principalmente a falta de respeito com os cidadãos, é um assunto que merece atenção, uma vez que nosso bem maior está em discussão, nosso bem-estar, nossas vidas. Quando falamos em cirurgia eletivas, não estamos apenas tratando do atendimento ou de quando a pessoa precisa ir ao centro especializado/hospital para atendimento. Saúde é bem mais que isso. consultas marcadas somente para meses a sumir de vista, mesmo o paciente necessitando de socorro imediato, isso tem que acabar”, afirma o deputado Emidinho Madeira.

Durante a explanação do tema Cirurgias Eletivas, o organizador do programa, João Tadeu, que foi assessor de Emidinho durante seu mandato estadual, destacou a atuação do deputado na área da saúde e apresentou o plano de trabalho com um cronograma de ações para os próximos meses. “A saúde sempre esteve entre as principais frentes de trabalho do deputado Emidinho Madeira, demonstrando através de seu empenho em contribuir para a melhoria nos serviços e a satisfação do usuário. Ele foi diretor do Hospital Santa Rita em Nova Resende durante sete anos, é membro da comissão regional do HRC de Passos, nos último quatro anos destinou recursos para a construção do Polo da Saúde, que em breve será mais um espaço para atender a população, também alocou recursos de emenda nos hospitais e nas secretarias de saúde. Então, é um deputado preocupado com a saúde, sempre foi. Antes mesmo de ser deputado, já estava inteirado em querer ajudar as pessoas, principalmente aqueles que não tem plano de saúde, aqueles que necessitam do SUS. Sendo assim, o compromisso do deputado é realizar mutirões de cirurgias, visando zerar a fila de espera de cirurgias eletivas represadas nos municípios no período de quatro anos. Para ser contemplado, o município deve nos enviar o relatório de cirurgias represadas seguindo os critérios definidos pelo sistema SUS Fácil. Até o momento 28 municípios já repassaram o relatório, totalizando 8,117 cirurgias”, completa João Tadeu.

 

Cirurgias Eletivas

Atualmente o sistema de saúde do país classifica em diversas categorias as cirurgias realizadas em hospitais públicos e privados. Uma das modalidades é a Cirurgia Eletiva. Esse procedimento cirúrgico pode ser programado, pois não é urgente ou emergencial. Como exemplo existem as cirurgias de catarata, mamoplastia e gastrostomia. Entretanto, segundo dados de 2017 do Conselho Federal de Medicina, existem mais de 900 mil casos represados em todo o Brasil.

 No Sul e Sudoeste de Minas estima-se que existam mais de 18 mil cirurgias na fila de espera. O tempo para realizar o procedimento pode durar anos. A demora na realização de uma Cirurgia Eletiva pode agravar consideravelmente o quadro de saúde do paciente. Por isso, a importância da reunião realizada em Nova Resende. A iniciativa pretende mobilizar todos os municípios da região para zerar a fila de cirurgias.

   

CIB – SUS/MG

Outro tema discutido na reunião, foi a redistribuição dos recursos da rede de oncologia do estado através do CIB-SUS/MG. Esta foi a segunda reunião para tratar do assunto. Em fevereiro, o deputado Emidinho participou de uma audiência com o secretário de estado da saúde, dr. Carlos Eduardo Amaral Pereira da Silva. “Nós não vamos fazer nenhuma manifestação sem antes esgotar todo o diálogo. Com a força de cada prefeito, secretário, vereador, nós vamos conseguir. Uma nova reunião foi agendada para o dia 22 de abril, com o Ministério da Saúde, para reivindicarmos nossos direitos. Em nosso mandato a saúde é prioridade, finaliza Emidinho Madeira.

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]