6069
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Waddy - Data: 12/12/2016 20:58

É possível tratamento eficiente para dores de cabeça?

A resposta é SIM!
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis É possível tratamento eficiente para dores de cabeça?

Normalmente as pessoas que sofrem com as cefaleias tensionais, um dos tipos mais comuns de causas para as “dores de cabeça”, nunca procuram tratamento médico e o mais normal infelizmente acaba sendo a automedicação, ou seja, as pessoas tomam chá, remédios, para as mais diferentes dores e acaba acontecendo o seguinte: as dores passam ou às vezes diminuem, porém, voltam depois de algumas horas, dias ou semanas, isto ocorre porque elas acabam “inibindo a atuação (atividade) do sistema nervoso central (cérebro), mas esta inibição ocorre por curtos períodos e quando diminui o efeito do medicamento, as dores voltam e as vezes até com maior intensidade do que antes.

 O grande problema é que as pessoas tratam apenas um dos sintomas e quase nunca tratam a causa, é por isso que estas pessoas sofrem de dores recorrentes, por meses e até anos ou vidas inteiras. São inúmeros tipos de causas para as dores de cabeça e avaliações médicas e fisioterapêuticas são fundamentais para que se tenha um diagnóstico preciso e decida por um tratamento eficiente. Para vários tipos de dores de cabeça, existem tratamentos fisioterapêuticos extremamente eficientes.
A fisioterapia utiliza de técnicas que podem diminuir as tensões músculo articulares e alterar a biomecânica da região crânio encefálica e com isso há resolução definitivamente de inúmeras causas para dores de cabeça, problemas que ocorrem com cerca de 1/3 da população brasileira. Hoje podemos encontrar fisioterapeutas trabalhando com estas técnicas em quase todos os grandes centros de reabilitação do país, e nós recentemente inaugurando nosso espaço destinado ao tratamento especializado em dores do pescoço, dores de cabeça e da face. Entre em contato no Instituto Sulmineiro de Cabeça e pescoço que fica na Rua Joaquim Costa, 115, Centro, Guaxupé-MG.

Todos nós já ouvimos algumas vezes: “depois que meu marido começou a treinar na academia estas dores de cabeça diminuíram”, e também já ouvimos que “as dores começaram logo após a mudança de meu emprego ou do inicio das aulas na academia”, isto se deve a problemas posturais e tensionais das novas atividades que podem ativar (aumentar) a tensão em alguns grupos musculares e gerar as crises de cefaléia denominadas como tensionais.

 Os principais grupos musculares atingidos e responsáveis pelas cefaleias tensionais são: esternocleitomastoideo, trapézio, esplênio do pescoço, esplênio da cabeça e também a coluna cervical superior caracterizada pelas vértebras C1 e C2. Um bom fisioterapeuta pode melhorar a mobilidade destas vértebras, “desativar” os pontos gatilhos dolorosos destes grupos musculares e posteriormente alongar músculos encurtados e fortalecer músculos responsáveis pela estabilização da coluna cervical e da cabeça, resolvendo em definitivo as suas crises de cefaleias.

Procure sempre a ajuda de um médico ou Fisioterapeuta para obter melhores condições de diagnóstico e consequentemente tratamento preciso e eficiente.

 

Prof. Ms. Luiz Henrique Gomes Santos

CREFITO4: 115915F

Doutorando em Fisioterapia - Lab. de Eletrotermofototerapia - UFSCAR
Coordenador do curso de Fisioterapia – UNIFEG

Diretor clínico do Instituto sulmineiro de cabeça e pescoço – ISCP

Delegado do CREFITO-4 na mesorregião de Guaxupé – MG

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]