1156
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 18/06/2022 16:35

Concluída, em Guaxupé, a primeira etapa do processo de beatificação de Dom Inácio

Entre os presentes, na cerimônia, foi comum a expressão de emoção de fieis, cada qual dentro de sua ocupação
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Concluída, em Guaxupé, a primeira etapa do processo de beatificação de Dom Inácio

Autoridades políticas, eclesiásticas, educacionais, de entidades de classes, representante do Vaticano e um expressivo número de devotos participaram, nesta noite de quarta-feira, 15 de junho, da celebração especial de conclusão da primeira etapa do processo de beatificação do bispo Dom Inácio João Dal Monte. Momento histórico para a humanidade, o feito foi marcado pela emoção e a fé das pessoas naquele que, para muitos, já alcançou o grau de santidade em virtude da vida de caridade e amor ao próximo.
A celebração inicial, que antecedeu a missa, foi conduzida pelo juiz aposentado, dr. Ronaldo Frigini, estudioso responsável por entrevistar quase cinquenta pessoas que conheceram Dom Inácio, conviveram com ele ou alcançaram graças por pedidos feitos ao frei. No altar da Igreja, foi formado um Tribunal composto pelo bispo Dom José Lanza Neto (delegado episcopal), os padres Reginaldo da Silva (juiz e delegado) e Francisco Carlos Pereira (promotor), o postulador da Causa, Paolo Villota; e a 1ª notária, Maria de Lurdes Sandroni. Também fizeram parte o 2º notário, Rodrigo de Castro, e o chanceler diocesano, padre Sidney Carvalho.
Durante o ritual de beatificação, também fizeram parte os membros da Comissão de Peritos em História: Luiz Henrique Marques (presidente), Wilson Remédio Ferraz (secretário), o padre Clayton Bueno Mendonça (componente membro), Inácio Wallace de Souza Abrantes (componente auxiliar) e Sarah Martins Gabriel Isaac (componente auxiliar).
Em meio ao Tribunal, dr. Ronaldo explicou todo o processo de levantamento de dados, que será levado pelo próprio representante do Vaticano, Paolo Villota, para a minuciosa investigação e, ao final dos trabalhos, a confirmação sobre a santidade de Dom Inácio. Além da parte documental, houve também o ritual da transferência dos restos mortais do Bispo em processo de canonização, da crípta para a Capela de Sant"Ana, no piso principal da Igreja Matriz (onde os devotos terão melhor e mais fácil acesso para fazerem preces).
Entre os presentes, na cerimônia, foi comum a expressão de emoção de fieis, cada qual dentro de sua ocupação: "Dom Inácio, para nós, já é um santo, mas precisamos que a Igreja confirme e possamos ter nosso bispo beatificado", disse o padre Reginaldo. "Sigamos aos exemplos deixamos por nosso Dom Inácio, que viveu pautado na caridade e no desprendimento", aconselhou Dom Lanza. "Nossa região já privilegiada por um momento igual a esse", ressaltou o deputado estadual Antonio Carlos Arantes, presente na companhia do prefeito, Dr. Heber Hamilton Quintella, a primeira-dama, dona Regina, e veredores locais. - Após o Tribunal, Dom Lanza celebrou uma missa especial com centenas de presentes. Iniciado em 2018, o processo de beatificação de Dom Inácio tem sido visto como um grande divisor de águas na história do Município. - VEJA, logo abaixo, títulos em vídeo-matérias feitas pelo repórter Carlão, do Jornal JOGO SÉRIO.

Autoridades eclesiásticas e devotos na celebração especial de beatificação de Dom Inácio, na catedral de Guaxupé

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: jornaljogoserio@gmail.com / ojogoserio@yahoo.com.br.