3432
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 03/05/2021 11:30

Vereadora Maria José sugere retorno facultativo das aulas presenciais em Guaxupé

Na opinião de Maria José, na foto com o repórter Carlos Alberto, do JOGO SÉRIO, é preciso que as escolas estejam abertas para que os pais opinem entre o ensino presencial e o remoto
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Vereadora Maria José sugere retorno facultativo das aulas presenciais em Guaxupé

A vereadora Maria José Cyrino Marcelino tem sugerido, nos últimos dias, o retorno facultativo das aulas presenciais em Guaxupé, seguindo protocolos de segurança contra a transmissão do Novo Coronavírus. Munida de argumentos obtidos junto a profissionais da área médica, dirigentes escolares de instituições particulares, educadores e pais de crianças da rede pública municipal, a parlamentar busca forças para levar adiante sua proposta.
Maria José está convencida de que o retorno às atividades presenciais será salutar: "As crianças estão abaladas emocionalmente, com déficit cognitivo e como foi dito por profissionais da saúde mental, um dano irreparável aos alunos! O rendimento das aulas remotas não chega nem perto do que deveria ser um nível mínimo, a interação entre educadores e educandos no Município iniciou-se há pouco mais de um mês, o que deixou uma disparidade grande entre as escolas particulares e municipais; existe ainda uma série de outros fatores que vão ao encontro da causa", disse a vereadora, com quem o Jornal JOGO SÉRIO falou sobre a iniciativa: "Muitos alunos estão fora das escolas, mas ficam expostos ao risco de contaminação em seus bairros, pois os familiares têm que trabalhar e os filhos não têm onde ficar", complementou ela.
De acordo com a vereadora, que conta com um expressivo número de assinaturas de pais favoráveis à volta das aulas presenciais, o objetivo é dar segurança ao público-alvo dentro das escolas, com distanciamento, rodízio e outras medidas necessárias. "Temos que ter as escolas abertas àqueles que sintam-se confortáveis para enviar seus filhos. E, manter o formato on-line aos alunos cujos pais desejarem continuar com as atividades remotas", explicou Maria José, que enfatizou a distância da realidade entre os ensinos particulares e públicos: "Os alunos das escolas municipais têm três encontros semanais para correções, de uma hora e meia (que variam de escola para escola e de professor para professor). Já as particulares ofertam quatro horas de aulas/dia, com conteúdo curricular".
Ainda sobre a questão, Maria José tem participado de reuniões com membros do Executivo local, junto a comissão de Educação, além de outros especialistas em distintas áreas, com vistas ao retorno das aulas. Agora, o objetivo é apresentar os endossos dos pais dos alunos à Prefeitura, a fim de que os dois formatos sejam implantados (online e presencial). "A Educação de Guaxupé sempre foi referência, mas se as escolas não forem abertas, deixaremos nossas crianças praticamente pelo segundo ano consecutivo sem o acolhimento e o processo de aprendizagem necessário para o desenvolvimento intelectual e emocional de nossas crianças", finalizou a vereadora.

VACINA NAS ESCOLAS!!!
Além da vereadora Maria José, o colega dela de vereança, João Fernando de Souza, propôs à Prefeitura, via ofício, que o governo guaxupeano vacine pelo menos os professores e demais funcionários das instituições de ensino em Guaxupé. A sugestão, conforme noticiado pelo JOGO SÉRIO, foi oficializada pelo prefeito, Dr. Heber Hamilton Quintella, o qual levou a questão ao governador Romeu Zema, na semana passada.

OS ESPECIALISTAS!!!
Ainda a respeito da possibilidade de volta às aulas presenciais, a diretora do Colégio Dom Inácio de Guaxupé, professora mestra Juliana Costa, participou de uma mesa redonda simbólica na Amog, recentemente, quando explanou a professores e dirigentes escolares do Sudoeste mineiro o formato adotado pela Fundação Educacional Guaxupé para garantir a segurança dos alunos no retorno às atividades físicas. Na ocasião, vale lembrar, estava presente também o pneumologista Edson José Dias Leite Filho, o qual endossou a possibilidade, tendo, inclusive ele (que participou de recente "live" com a própria Maria José), enfatizado os problemas emocinais visíveis em crianças e adolescentes pela falta da antiga rotina. Veja, logo mais, no www.jornaljogoserio.com.br, outras informações sobre este tema. SE VOCÊ ainda não faz parte da "Família JOGO SÉRIO", então clique AQUI e receba todos os conteúdos em seus WhatsApp.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: jornaljogoserio@gmail.com / ojogoserio@yahoo.com.br.