151
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 21/07/2021 14:29

Emidinho visita Guaxupé, Paraíso e Passos para garantir a retomada das cirurgias eletivas

O vice-prefeito Rodrigo Borges, o governante municipal, dr. Heber Quintella, o deputado Emidinho Madeira e o provedor da Santa Casa, dr. Roberto Vergili
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Emidinho visita Guaxupé, Paraíso e Passos para garantir a retomada das cirurgias eletivas

O deputado federal Emidinho Madeira visitou, nesta semana, municípios da microrregião do Sul e Sudoeste mineiros, a fim de tratar da retomada das cirurgias eletivas. Presidente da Frente Parlamentar que trata o referido assunto (na Câmara dos Deputados), o parlamentar pretende dar início aos procedimentos, a fim de atender cerca de trinta mil procedimentos na região.
Em Guaxupé, Emidinho Madeira reuniu-se com o prefeito, dr. Heber Hamilton Quintella, além do vice-prefeito (e atual secretário de Governo/Planejamento), Rodrigo Luiz Borges, assim como o provedor da Santa Casa, dr. Roberto Vergili. O encontro, ocorrido nesta segunda-feira, 19 de julho, na sede do Executivo, teve como objetivo reiniciar os trabalhos, que pouco antes da pandemia do Novo Coronavírus chegaram a ser iniciados na região. Porém, o Ministério da Saúde proibiu as realizações, dando prioridade ao tratamento da Covid-19.
De acordo com Emidinho, que já havia destinado recursos para a realização de milhares de eletivas na cidade e região, os procedimentos encontram-se liberados nos municípios hoje enquadrados na "Onda Amarela" do Protocolo Minas Consciente. Sendo assim, será agora analisado qual o percentual de recursos já disponíveis, uma vez que parte da verba foi usada pelos hospitais para o combate ao Coronavírus. "Trata-se de uma ação de extrema urgência e que ficou paralisada devido à pandemia. Dentro dos nossos levantamentos, temos , hoje, na região, mais de 30 mil cirurgias para serem feitas. E, como presidente da Frente Parlamentar das Cirurgias Eletivas na Câmara Federal, assumi o compromisso de zerar essa fila", disse Emidinho.
Em Passos, o deputado reuniu-se com o vice-prefeito, Arlindo Nascimento, além do vereador Francisco Sena, a representante da equipe do senador Rodrigo Pacheco, Priscila Tossani, diretores da Santa Casa, Daniel e José Ronaldo, assim como membros do setor técnico da instituição. Já na cidade de Paraíso, Emidinho tratou sobre as cirurgias com o prefeito Marcelo Moraes, o vereador Luiz de Paula, o provedor da Santa Casa, Fernando Montans Alvarenga, o diretor de contratos Guilherme e a secretária de Saúde, Adelma Lúcia da Silva.

Esclareceu a polêmica
Emidinho, durante essa semana, recebeu críticas por ter votado "sim" no Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias para 2022, no início da semana, na Câmara dos Deputados. Na mesma matéria, a relatoria do Projeto incluiu a votação do "Fundão Partidário", este ano estipulado em quase R$ 6 bilhões, tendo a atitude dos deputados favoráveis à LDO sido confundida, segundo Emidinho, com o posicionamento daqueles que são favoráveis ao recurso público para as eleições. Em nota distribuída por sua assessoria, Emidinho frisou que é contra o "Fundão", mas alegou ter sido vítima da forma com que a LDO foi votada, anexa ao projeto do Fundão Partidário. "Desde já, quero deixar bem claro que sou contrário ao Fundão Eleitoral e vou solicitar ao Governo Federal para que vete essa parte da LDO - Lei de Diretrizes Orçamentárias. Acontece que, sem a votação da LDO, o País não tem recursos para a Saúde, Educação, Obras, etc. O que, de fato aconteceu, é que esse recurso para o Fundo Eleitoral foi embutido na votação da LDO e nós tivemos que votar tudo junto. Quando foi para votar o "Fundo" de forma separada, a votação foi simbólica e não individual/nominal, como seria o correto. Entendo e concordo com a indignação de todos. Em hipótese alguma sou a favor desse "Fundo", mas não poderia deixar de votar a LDO, sob o risco de paralisar o funcionamento do Brasil", defendeu-se Emidinho, cujo tema foi também tratado hoje pelo próprio presidente da República, Jair Messias Bolsonaro. CLIQUE AQUI e veja declaração do governante federal sobre esse tema.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: jornaljogoserio@gmail.com / ojogoserio@yahoo.com.br.